Empresa de trabalho portuário de Lisboa propôs corte de 15% no salário dos estivadores

Os estivadores começam esta quarta-feira uma greve parcial que vai durar até 9 de março. O diretor da AETP, a empresa de trabalho portuário de Lisboa, alertou para a grave situação financeira em que a firma se encontra e acusa o sindicato dos estivadores de intransigência. 

Sobre "Notícias"