Estado de contingência: "Acredito que o Governo esteja a preparar um plano de intervenção"

Tiago Correia, professor de Saúde Internacional no Instituto de Medicina Tropical da Universidade Nova de Lisboa, diz que é "muito inteligente estarmos neste momento, ainda em agosto, a tentar antecipar problemas do mês de setembro e do mês de outubro", referindo-se ao estado de contingência que entrará em vigor a 15 de setembro. 

Assinalando que, em março, a capacidade de Portugal antecipar medidas permitiu que não houvesse um "pico exponencial" da pandemia de covid-19, refere porém que o estado de contingência permitirá passar mais facilmente para um estado de calamidade se for necessário. "Aquilo que se espera é que as medidas sejam mais focadas", sublinha. 

Sobre "Notícias"