Ex-diretor de segurança da academia do Sporting terá incriminado Bruno de Carvalho

O antigo diretor de segurança da academia do Sporting poderá ter incriminado Bruno de Carvalho no julgamento da invasão em Alcochete. 

Ricardo Gonçalves afirmou em tribunal que o ex-presidente do Sporting perguntou numa reunião, um dia antes das agressões à equipa, e cito: "quem está comigo, aconteça o que acontecer?"

O responsável pela segurança da academia de Alcochete relatou ainda as ameaças feitas aos jogadores e identificou os autores das agressões a Battaglia e Marcos Acuña.

Sobre "Jornal das 8"