Filha do antigo ministro foi detida em Espanha, suspeita de ajudar a branquear 4 milhões de euros. Catarina Loureiro é casada com filho de Raúl Morodo, um antigo diplomata, que terá recebeu dinheiro ilícito da petrolífera venezuelana.