Filha e genro que mataram professora do Montijo querem evitar julgamento

Estão a tentar evitar o julgamento, a filha e o genro acusados de assassinarem uma professora do Montijo, em setembro. É o que procuram a partir de amanhã, na fase de instrução do processo no tribunal do Barreiro. Os arguidos alegam que não há relatório de autópsia.