Fogo em Pedrógão Grande considerado "megaincêndio de sexta geração"

Com ondas de calor mais frequentes, o risco de "super incêndios" é cada vez maior na Europa. O alerta é da organização não governamental internacional fundo mundial para a natureza, que publicou um relatório em que defende a necessidade de novas estragégias para fazer face a estes fogos de sexta geração, destacando que o incêndio de Pedrógão Grande, de 2017, é um marco deste tipo de fogos, potenciados pelo aquecimento global.