Fugiram de Alepo para encontrar felicidade em Portugal

Família de refugiados de Alepo começou uma vida do zero, em Portugal. Para trás, ficou o resto da família e preparam-se para iniciar agora uma nova vida, em português.