Grávida que perdeu bebé na Guarda terá sofrido descolamento da placenta

Já foi realizada a autópsia ao corpo da bebé que morreu alegadamente por atraso na assistência médica à mãe no Hospital da Guarda. Ainda não existe um relatório final, mas a perícia aponta o descolamento súbito da placenta como a causa mais provável da morte. Entretanto, já teve arrancou o inquérito instaurado pela ARS do Centro no sentido de apurar responsabilidades da morte deste bebé