Homicida de Quiaios considerado perigoso mas inimputável

O Tribunal de Coimbra deu como provado que foi o homem, de 54 anos, quem matou a mulher a tiro de caçadeira, em agosto do ano passado. Está internado na prisão de Caxias.