Homicídio do triatleta: "Há aqui coisas que não fazem sentido"

A defesa de Rosa Grilo, suspeita do homicídio do marido, Luís Grilo, contratou uma empresa de consultadoria forense que encontrou esta manhã na banheira de uma das casas de banho da residência onde o casal vivia um novo projétil - o segundo, sendo que o primeiro foi o que levou à morte do triatleta.

Henrique Machado, editor de justiça da TVI, disse estar "estupefacto" com os novos desenvolvimentos do caso do homicídio do triatleta. 

"Há aqui coisas que não fazem sentido", acrescentou. 

Sobre "Notícias"