Jorge Pires: "O processo não acaba com isto. A ala pediátrica vai ter de ser construída."

O representante dos pais das crianças internadas no Hospital de São João congratulou a decisão de passar os serviços para o interior do hospital, mas relembrou que ainda há coisas por fazer.