Jovem deixa bombeiros por ter medo do fogo e acaba detido por atear 28 incêndios

Um rapaz de 21 anos ficou em prisão preventiva depois de ter admitido que ateou quase 3 dezenas de incêndios nas zonas de Gondomar e de Santa Maria da Feira.
A Judiciária diz que o jovem chegou a ser bombeiro, mas deixou a corporação porque tinha medo do fogo.
 

Sobre "Jornal das 8"