Juiz pode expulsar os 22 imigrantes ilegais intercetados no Algarve

Estao a ser ouvidos no tribunal de Loulé os 22 migrantes marroquinos detidos esta segunda-feira, quando entravam ilegalmente em Portugal.

De acordo com o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, não foi requerido qualquer pedido de asilo e, por isso, o juiz pode optar por expulsá-los de imediato.

Sobre "Jornal das 8"