Madrasta de Valentina ligou ao ex-companheiro para tentar falar com o filho

Ficaram em celas isoladas e com vigilância reforçada os dois suspeitos da morte violenta de Valentina, a criança de nove anos assassinada há uma semana.

A TVI apurou que a madrasta já ligou ao pai do filho mais velho e que garante ter sido vítima de violência doméstica por parte do companheiro Sandro Bernardo, pai de Valentina. 

Foi o facto de Sandro e Márcia terem sido multados quando vinham da lavandaria, depois de terem colocado a lavar roupas de Valentina, que despertou as suspeitas da Polícia Judiciária.

Sobre "Jornal das 8"