#MeToo: "Mais cedo ou mais tarde o movimento rebentaria em Portugal”

Têm sido várias as denúncias de assédio sexual que têm vindo a público nas ultimas semanas. Várias mulheres, algumas figuras publicas, ganharam coragem para contar que foram pressionadas, mal tratadas e humilhadas.

O movimento #MeToo, que nasceu nos Estados Unidos, parece estar a chegar em força ao nosso país

O psicólogo Daniel Cotrim explica que a vítimas “têm grande dificuldade em perceber” quando estão perante uma situação de assédio e que seria uma questão de tempo até o movimento “rebentar” em Portugal.

Sobre "O Dilema"