Morreu o preso político mais torturado pela ditadura brasileira

Revolucionário, jornalista e padre, Alípio de Freitas morreu aos 88 anos em Lisboa