MP diz que homicídio da professora do Montijo “foi um crime maquiavélico”

O Ministério Público pede pena máxima para o casal acusado de matar Amélia Fialho, a professora do Montijo. Nas alegações finais, esta tarde, a filha adotiva de Amélia, Diana, e o marido permaneceram em silêncio.