Pico da gripe deixa reservas de sangue em níveis baixos

A situação repete-se todos os anos. As gripes, constipações e outras infeções do trato respiratório impedem os dadores de sangue. Só após quinze dias sem sintomas e medicação é que se pode voltar a doar.

Maria Antónia Escoval, presidente do Instituto Português do Sangue e da Transplantação, falou esta segunda-feira acera desta situação, na TVI24.

Sobre "Notícias"