Precários: bolseiros do Minho podem perder 500 euros mensais

A atual proposta de integração dos bolseiros retira em média 500 euros mensais a cada funcionário. Um grupo de trabalhadores da Universidade do Minho pondera avançar para tribunal, contra a forma como estão a ser regularizados os contratos com os trabalhadores precários.

Sobre "Jornal da Uma"