Prisão preventiva para suspeito do atropelamento mortal da irmã de Djaló

A Polícia Judiciária está a investigar o atropelamento que vitimou mortalmente uma jovem de 17 anos durante as festas na Moita na madrugada de sábado. Trata-se da irmã do jogador Yannik Djaló. O suspeito do crime foi detido pela Guarda Nacional Republicana e presente a juiz que decretou prisão preventiva.