Processo Cyberduna: hacker Rui Pinto acusado de 147 crimes

O Ministério Público formulou uma acusação contra o pirata informático Rui Pinto. São 147 crimes. A investigação acredita que o hacker, preso há 6 meses, violou correspondência, sabotou e acedeu de forma ilícita a sistemas informáticos de várias entidades, incluído a Procuradoria Geral da República. Além disso tentou extorquir entre 500 mil a um milhão de euros à Doyen Sports. Este crime de extorsão é o mais grave e pode levar até 15 anos de prisão.