Como preservar a identidade de um bairro histórico, tornando-o mais preparado para as alterações climáticas e como conciliar a cultura local com a crescente procura turística? Estes são alguns dos desafios de um projeto que está a ser implementado em Alfama com a coordenação da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Lisboa