Providência cautelar trava acesso de funcionários municipais ao Citius

Sindicato considera ilegal o acesso a processos por parte dos trabalhadores municipais que vão colaborar nos tribunais que hoje reabriram. Por isso, interpôs uma providência cautelar, aceite pelo Tribunal de Lisboa, para suspensão dos protocolos entre Câmaras e Ministério da Justiça

Sobre "Jornal das 8"