Sete militares detidos no caso das mortes nos Comandos

Sete militares, cinco dos quais oficiais, foram detidos esta manhã no caso das mortes ocorridas em setembro no curso de Comandos. Entre os detidos pela equipa de investigação do DIAP e da Polícia Judiciária Militar, liderada pela procuradora Cândida Vilar, está um tenente-coronel, responsável máximo pelo curso de comandos em que os militares Hugo Abreu e Dylan da Silva perderam a vida.

Sobre "Notícias"