SIRESP está em risco de insolvência

Um desfecho que pode acontecer já em setembro. O Estado tem uma dívida à empresa de 11 milhões de euros que, diz o primeiro-ministro, não pode ser paga, enquanto não tiver o visto do Tribunal de Contas. António Costa adianta que está por horas a conclusão das negociações para um reforço da posição acionista de modo ao estado assumir o controlo da SIRESP.