Tancos: João Paulino admitiu ter participado no roubo das armas

 

Terminou o interrogatório a João Paulino, ex-fuzileiro e alegado cabecilha do roubo das armas de Tancos, em junho de 2017. O arguido admitiu ter participado no crime, mas recusou falar sobre o roubo, tendo apenas prestado declarações sobre o reaparecimento das armas.

Sobre "Notícias"