Filipa Xavier Basto, contabilista do grupo Your, explicou como é que as instituições podem ser "completamente transparentes" para que a conduta seja digna