Trabalhadores à porta de fábrica para evitar fecho de portas sem explicações

Os trabalhadores de uma fábrica de calçado em Lousada estão em vigília à porta da empresa para evitar a eventual saída de máquinas e materiais. Os 160 funcionários da empresa temem que a fábrica peça insolvência.