Trofa: advogada passou a ser agredida pelo marido depois de descobrir que tinha cancro

A mulher de 40 anos, advogada de profissão era constantemente agredida. Os atos violentos aconteciam sempre dentro de casa onde viviam na Trofa. Suspeito foi detido pela GNR e ficou em liberdade, proibido de contactar a vítima e de se aproximar da casa onde ambos viviam