Um dos fugitivos do Tribunal de Instrução do Porto condenado a 10 meses de prisão

Um dos três homens que fugiram do Tribunal de Instrução Criminal do Porto foi condenado a 10 meses de pena de prisão, num processo de tentativa de furto. Antecedentes criminais pesaram na decisão da juíza.