Universidade do Minho: corte de 60% nos serviços de ação social gera indignação

A Associação Académica da Universidade do Minho está preocupada com os cortes de mais de 60% nos orçamentos destinados aos serviços de ação social.

Sobre "Jornal da Uma"