Venda de crédito: “Os métodos utilizados ultrapassam os limites do admissível”

Garcia Pereira, jurista, defende que existem duas atividades na venda de crédito: a de cobrança de dívida a uma entidade alheia e a tentativa dos bancos se desfazerem do crédito malparado e a vende desses créditos. O jurista admite os métodos utilizados para esta atividade não são admissíveis e que, muitas vezes, aproveitam-se de situações de fragilidade

Sobre "Alexandra Borges"