Soflusa: "Isto é uma situação que já não se tolera"

A contestação cresceu de tom nos últimos dias, com a falta de mestres a obrigar a empresa a cortar ligações fluviais. Esta manhã, um dos mestres em greve foi interpelado por uma utente indignada.