Perfis falsos criados com fotos de Ana serviam para marcar encontros

Ana Freire foi vítima de um crime de roubo de identidade na Internet, mostra-se preocupada com a situação e teme consequências deste crime. 

Em Portugal, em média, todos os dias é detida uma pessoa por crimes ligados a burlas informáticas e difamação na Internet. São crimes que estão a aumentar em Portugal, na quantidade e na gravidade. Mas por outro lado, há mais denúncias das vítimas. Usar fotos e informação pessoal para denegrir as vítimas e até fazer chantagem são as práticas mais comuns.

A Comissão Nacional de Proteção de Dados alerta que a informação partilhada em redes sociais deve ser condicionada e protegida. Exemplo disso é a utilização e partilha de fotocópias ou de digitalização de documentos de identidade, assim como a divulgação de números de identificação em redes abertas.