Trabalhadores do calçado protestam em Paredes de Coura

Os trabalhadores do Grupo Fortunato, um dos maiores grupos portugueses de calçado manifestaram-se na manhã de sábado contra o aumento do horário de trabalho.


Os funcionários dizem que a decisão da empresa é ilegal e prometem não cumprir mais do que as 40 horas semanais.
 

Sobre "Jornal da Uma"