Trabalhadores do Reg. de Veículos do Porto voltam aos protestos

Trabalham num local sem circulação de ar, pastas no chão, sem luz natural e onde não há porta de emergência