Um ano depois, a família de Aylton ainda não conseguiu fazer o luto

A TVI falou em exclusivo com a mãe de Hugo Carrilho, a vítima mortal do tiroteio junto à discoteca Luanda, em Lisboa. Quase um ano depois a família ainda não conseguiu ultrapassar a dor e pede justiça para limpar a imagem do jovem de 23 anos