Um olhar de Barcelona: Luís Pontes tem acompanhado a violência nas ruas

A morar em Barcelona, Espanha, há três anos e meio, o português Luís Pontes tem acompanhado de perto os protestos nas últimas noites. São, conta, manifestações pela libertação do cantor Pablo Hasel "convocadas de forma espontânea mas que quando chega a polícia se tornam manifestações violentas".

"Estes protestos tendem a demorar uma a duas semanas", considera, lembrando que na base destes protestos estão as alegações dos independentistas catalães.

 

Sobre "Esta manhã"