«Uma noite perfeita.» Foi desta forma que Zé Luís resumiu o jogo em que conquistou o público do Dragão. Em 78 minutos, o internacional cabo-verdiano marcou três golos e viveu a primeira noite de glória com a camisola do FC Porto.

O ex-Spartak Moscovo fez seis remates durante toda a partida, quatro deles acertaram na baliza, com três a fazerem explodir de alegria as bancadas.

LEIA TAMBÉM: FC Porto domina equipa da jornada

Foi, portanto, em modo antidepressivo que Zé Luís surgiu nesta partida em que ganhou todos os cinco duelos aéreos que disputou e metade (quatro) dos duelos no chão.

Após uma semana muito complicada para a equipa de Sérgio Conceição, com a derrota na jornada inaugural da Liga e o afastamento da Liga dos Campeões, Zé Luís foi a figura do jogo e é também a da jornada para o Maisfutebol. Até pela vida que deu ao dragão a uma semana da visita à Luz.

O golo da jornada:

Minuto 16 no Estádio D. Afonso Henriques e Davidson assinou não só o momento da tarde de domingo, mas também aquele que foi considerado o melhor golo da jornada para a redação do Maisfutebol.

Após passe longo de Tapsoba, o avançado brasileiro recebeu no peito e arrancou um vistoso e eficaz pontapé-moinho. Sublime.

 

A defesa da jornada:

É verdade que o jogo estava mais do que resolvido, mas é impossível ficar indiferente à dupla defesa que Marchesín, guarda-redes do FC Porto, fez ao minuto 77 do jogo com o V. Setúbal.

Primeiro, o guardião argentino negou o golo a Hachadi para logo de seguida levantar-se para nova mancha, desta vez após remate de Éber Bessa. Incrível, no mínimo.