O presidente do conselho de administração da Sonaecom, Ângelo Paupério, disse esta segunda-feira que a empresa que dirige não lançou em agenda uma eventual fusão com a Zon Multimédia, mas admitiu que, quanto ao negócio, «o futuro a Deus pertence».

«O que se têm dito sobre isso não fomos nós [que dissemos]. Por nós não faz sentido dizer que o assunto está encerrado, [porque] eu não tinha o assunto aberto», assegurou Ângelo Paupério na conferência de imprensa de apresentação dos resultados de 2009 da Sonaecom, quando questionado sobre a possibilidade de fusão com a operadora concorrente, há muito falada no mercado, escreve a Lusa.

Afirmando estar «muito confortável» a falar, apenas, da actividade da Sonaecom, Paupério questionou: «O que gostava de saber era quando deixam de me fazer a pergunta» relativa à fusão com a Zon.