Alec Baldwin já reagiu ao acidente que culminou na morte de Halyna Hutchins, diretora de fotografia do filme Rust. A vítima mortal tinha 42 anos, era casada e tinha um filho.

Até ao momento, sabe-se apenas que Alec Baldwin atingiu Halyna com uma arma de adereço, que não deveria estar carregada com munições. A vítima ainda foi transportada de helicóptero para o Hospital Universitário do Novo México, mas não resistiu aos ferimentos.

Baldwin confessa estar "sem palavras" perante o "trágico acidente". Apesar do "choque e tristeza", o ator diz estar a coladorar com as autoridades com o objetivo de "perceber como esta tragédia aconteceu".

Não há palavras para expressar o choque e tristeza em relação ao trágico acidente que tirou a vida à Halyna Hutchins, esposa, mãe e nossa colega profundamente admirada. Estou a colaborar totalmente com a investigação policial para perceber como esta tragédia aconteceu", escreveu.

Alec Baldwin revela ainda que já está em contacto com o marido de Halyna Hutchins. Baldwin confessa ter o "coração despedaçado", sobretudo, pelo filho da vítima, mas também "por todos os que conheciam e amavam a Halyna"

Estou em contacto com o marido e ofereço-lhe todo o meu apoio tal como à família. O meu coração está despedaçado pelo marido, pelo filho e por todos os que conheciam e amavam a Halyna", culmina.

Para além de Halyna Hutchins, também  o realizador do filme, Joel Souza, de 48 anos ficou ferido e foi transportado de ambulância e admitido na unidade de cuidados intensivos do centro médico Christus St. Vincent. Para já, não foi divulgado o seu estado de saúde ou a gravidade dos ferimentos

O que são armas de adereço e porque são tão perigosas?

Em suma, as armas utilizadas como adereços nos filmes são reais, em regra-geral, com pequenas alterações que visam torna-las não-letais.

Nas grandes produções cinematográficas, a principal diferença costuma centrar-se nas balas que em vez de serem de munições reais são do tipo que é conhecido como “pólvora seca”.

A diferença centra-se no projétil (a ponta da bala), que é o que atinge o alvo numa munição real.

As munições utilizadas nas armas de adereço não possuem o projétil, daí serem não-letais apesar do disparo ser altamente semelhante.

Acidentes com armas de adereço já aconteceram?

O incidente com o ator Alec Baldwin não é um caso isolado na história do cinema. Uma das situações mais conhecidas foi a morte do filho do ator de artes marciais Bruce Lee, em 1993.

Brandon Lee morreu, com 28 anos, também ele baleado por uma arma de adereço durante as filmagens do filme The Crow.

O ator foi baleado por uma destas balas “fictícias” à queima-roupa, tendo morrido por que parte da munição anteriormente disparada tinha ficado no cilindro da arma.

Outro caso semelhante aconteceu, em 1984, quando o ator norte-americano Jon-Erik Hexum morreu num estúdio de televisão.

O ator estava aborrecido com a demora das gravações e decidiu carregar uma arma de adereço com uma bala fictícia e disparar diretamente na tempura.

Ao contrário de Brandon Lee, Hexum não morreu devido ao projétil, mas sim pela força criada pelo rebentamento da pólvora no interior da arma. Acabou por ser transportado para o hospital, onde viria a morrer dias depois.

 

Nuno Mandeiro