As autoridades de saúde do Reino Unido convocaram vários voluntários para vigiarem as praias numa tentativa de impedir o crescente número de aglomerados de banhistas nas praias.

Durante o fim de semana, as praias de Bournemouth viram dezenas de milhares de banhistas a aproveitarem os dias de sol e o alívio das restrições.

A autarquia de Bournemouth está a pedir voluntários para vigiarem as praias já que a densidade populacional é demasiada para os funcionários públicos.

O Reino Unido aliviou as restrições decorrentes da pandemia da Covid-19 e permitiu que famílias possam percorrer qualquer distância para chegarem a parques ou praias.

Os trabalhadores da autarquia relatam à BBC que sofreram de abusos ​​verbais enquanto tentavam impor regras sobre estacionamento e churrascos na praia durante o fim de semana. 

A líder do Conselho das autarquias de Bournemouth Christchurch e Poole, Vikki Slade afirmou que as praias estão a ficar “sobrecarregadas” por visitantes que “não respeitam o distanciamento social ou, em certos casos, a decência comum”.

A autarquia diz que tem tido visitantes de sítios como Wigan e Liverpool algo que “torna virtualmente impossível manter os serviços de vigilância”.

O Reino Unido registou 154 mortes nas últimas 24 horas, menos do que na véspera, elevando para 43.081 o total acumulado durante a pandemia de Covid-19, anunciou esta quartqa-feira o ministério da Saúde britânico.