A Austrália continua a ser fortemente devastada por incêndios. No estado da Nova Gales do Sul, o mais afetado até ao momento, o staff de um jardim zoológico conseguiu salvar cerca de 200 animais das chamas, esta terça-feira.

O Mogo Zoo é um pequeno espaço privado que alberga espécies como primatas, zebras, rinocerontes ou pandas.

A maioria dos animais ficou instalada num abrigo, mas alguns tiveram mesmo de ir para casa de trabalhadores do parque. Os tratadores receberam nos seus lares macacos, pandas e até um tigre.

O diretor do Mogo Zoo, Chad Staples, afirmou que a situação era "apocalíptica", em declarações reproduzidas pela BBC.

Neste momento, em minha casa, existem animais de todas as espécies em diferentes divisões, que estão seguros e protegidos", referiu.

A rápida ação dos trabalhadores impediu o pior. Começaram por remover todos os objetos inflamáveis da área, para depois evacuarem o local.

O Mogo Zoo faz partilhas constantes relacionadas com a vida selvagem dentro do parque.

/ AG