A primeira-dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, informou hoje que testou negativo para o novo coronavírus, exame que realizou após o seu marido, o presidente Jair Bolsonaro, ter anunciado, na terça-feira, que estava infetado.

As duas filhas de Michelle Bolsonaro também tiveram os testes negativos.

A filha mais nova de Michelle Bolsonaro, Laura, de 9 anos, é fruto do casamento com o chefe de Estado brasileiro.

“As minhas filhas e eu testámos negativo para a [doença] covid-19. Agradeço as orações”, declarou a primeira-dama brasileira, numa mensagem publicada na rede social Instagram.

O presidente Jair Bolsonaro, de 65 anos, que tem negado e relativizado em várias ocasiões a gravidade da atual pandemia, confirmou na passada terça-feira que estava infetado com o novo coronavírus.

O chefe de Estado brasileiro realizou o teste depois de sentir dores no corpo e ter registado febre.

Embora permaneça isolado no Palácio da Alvorada, a sua residência oficial em Brasília, Bolsonaro continua a trabalhar, tendo anunciado que está a automedicar-se com hidroxicloroquina, medicamento cuja eficácia contra a covid-19 não foi cientificamente comprovada e pode ter graves efeitos secundários.

Jair Bolsonaro tem afirmado que se encontra bem.

O Brasil, com 70.398 mortos e mais de 1,8 milhões de casos de infeção pelo novo coronavírus, é o segundo país no mundo mais afetado pela pandemia da covid-19.

Desde que o novo coronavírus foi detetado na China, em dezembro do ano passado, a pandemia da doença covid-19 já provocou mais de 560 mil mortos e infetou mais de 12,52 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo o balanço mais recente feito pela agência AFP.

/ AM