O uso de máscara na escola em França será estendido na próxima semana às crianças a partir dos seis anos, anunciou esta quinta-feira o primeiro-ministro francês, Jean Castex, um dia após o anúncio de novo confinamento no país.

A partir do início desta segunda-feira, o protocolo de saúde vai ser adaptado e reforçado de forma a garantir a proteção de todas as crianças, professores, pais de alunos, de acordo com o parecer que nos foi enviado (quarta-feira) pelo Conselho Superior de Saúde Pública", acrescentou o chefe de governo.

A França anunciou na quarta-feira um novo confinamento à escala nacional para tentar travar a propagação do novo coronavírus, juntando-se assim à Irlanda e ao País de Gales, os únicos na Europa que avançaram, até à data, com esta medida.

O novo confinamento, que vigorará pelo menos até 01 de dezembro, começará sexta-feira, mas as escolas permanecerão, para já, abertas.

As novas medidas em França preveem o encerramento de bares e restaurantes durante o período do novo confinamento.

A pandemia de covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus, já provocou mais de 1,1 milhões de mortos e mais de 44 milhões de casos de infeção em todo o mundo.

/ LF