O Papa Francisco ordenou hoje a realização de uma investigação aprofundada aos arquivos do Vaticano sobre o cardeal norte-americano Theodore McCarrick, acusado de ter cometido abusos sexuais, anunciou hoje a Santa Sé.

Em comunicado, a Santa Sé explica que as conclusões desta investigação sobre os abusos do ex-cardeal e arcebispo emérito de Washington Theodore McCarrick serão divulgadas a seu tempo.

Em julho, o Vaticano informou que o Papa expulsou McCarrick do Colégio dos Cardeais, uma medida com poucos precedentes na história, e ordenou a sua prisão até ao julgamento canónico das acusações de abuso que pesam contra ele.

Usando provas escritas, um prelado italiano, Carlo Maria Vigano, acusou em agosto o Papa e um grande número de membros da Cúria Romana de terem encoberto por anos os abusos do cardeal sobre seminaristas e padres.