O rapper Travis Scott reagiu este sábado à tragédia ocorrida durante a noite de sexta-feira, em que oito pessoas morreram durante um concerto no Festival Astroworld, em Houston, no Texas.

O músico afirma-se "absolutamente devastado" e está disponível para dar "todo o apoio" à investigação da polícia. Num comunicado partilhado através da rede social Twitter, Travis Scott agradece ainda ao pronto socorro das autoridades.

Tudo ocorreu depois de uma onda de multidão que acabou por comprimir as vítimas, levando à morte de oito delas.

O Houston Chronicle relata que o rapper parou várias vezes durante sua apresentação de 75 minutos ao ver que havia fãs em perigo perto da frente do palco e pediu aos seguranças para ajudarem as pessoas.

O chefe de polícia de Houston, Troy Finner, pediu calma, dizendo que não deveriam tirar conclusões precipitadas sobre o que pode ter causado o acidente: "Vamos fazer uma investigação e descobrir porque não é justo para os produtores, para todos os envolvidos, até determinarmos o que aconteceu".

O incidente ocorreu por volta das 21:00 locais de sexta-feira à noite (02:00 de sábado, em Lisboa).

Este era o primeiro dia do festival. No local estavam perto de 50 mil pessoas. O segundo dia de concertos já foi cancelado.

António Guimarães