O Presidente da República visitou este domingo o civil ferido no incêndio de Vila de Rei que se encontra no Hospital de São José, em Lisboa, e disse à Lusa que "a situação está sob controlo".

Numa declaração à agência Lusa, Marcelo Rebelo de Sousa referiu que este ferido, que se encontra em estado grave, "estava a ser submetido a exames clínicos e a ser muito bem acompanhado".

A situação está sob controlo e a evoluir favoravelmente", adiantou o chefe de Estado, que acabara de sair do Hospital de São José, em Lisboa.

Os incêndios que lavram desde a tarde de sábado no distrito de Castelo Branco e que se propagaram a Mação, distrito de Santarém, fizeram 20 feridos, um deles com gravidade.

Em declarações aos jornalistas, este domingo, o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, deu conta de oito bombeiros e 12 civis feridos na sequência dos incêndios.

De acordo com a página da internet da Proteção Civil, pelas 11:45 estavam 820 operacionais apoiados por 251 meios terrestres e 14 meios aéreos a combater o incêndio ainda ativo no concelho de Vila de Rei, que alastrou ao concelho de Mação, distrito de Santarém.