Portugal tem quatro concelhos no nível máximo da taxa de incidência, onde existem mais de 960 casos de covid-19 por 100.000 habitantes, segundo a última atualização da Direção-Geral da Saúde (DGS).

A maioria fica no Algarve - Albufeira, Loulé e Portimão, além de Sines, no distrito de Setúbal.

No segundo nível de alerta mais elevado, acima dos 480 casos por 100.000 habitantes definidos pela matriz de risco, que foi atualizada na quinta-feira (de 240 para 480) estão mais 36 concelhos, sete dos quais também no Algarve:

  • Almada
  • Barreiro
  • Constância
  • Cuba
  • Espinho
  • Faro
  • Felgueiras
  • Gondomar
  • Lagoa
  • Lagoa (Açores)
  • Lagos
  • Lisboa
  • Loures
  • Lousada
  • Maia
  • Matosinhos
  • Mirandela
  • Mogadouro
  • Moita
  • Montalegre
  • Odivelas
  • Olhão
  • Paços de Ferreira
  • Paredes
  • Pedrógão Grande
  • Porto
  • Póvoa de Varzim
  • Santo Tirso
  • São Brás de Alportel
  • Silves
  • Valongo
  • Vila Praia da Vitória
  • Vila do Bispo
  • Vila Franca de Xira
  • Vila Nova de Gaia
  • Vila Real

Sem qualquer caso de infeção nos últimos 14 dias estão os concelhos de Santa Cruz das Flores, Barrancos, Nisa, S. Vicente, Corvo e Vila Velha de Rodão.

Os dados do Rt, que está abaixo de 1, e da incidência de novos casos por 100 mil habitantes a 14 dias são indicadores que compõem a matriz de risco de acompanhamento da pandemia.

Veja, abaixo, a incidência em todos os concelhos do país.

Catarina Machado