O Hospital de São João, no Porto, recebeu esta tarde dois doentes para Cuidados Intensivos da região de Lisboa e Vale do Tejo.

Ao que apurou a TVI, um deles estava no Hospital Egas Moniz e outro no Hospital Amadora-Sintra.

Os doentes foram transportados de avião, a partir do aeroporto Figo Maduro.

Quando chegaram ao aeroporto do Porto, foram transportados de ambulância até ao São João. 

Na quarta-feira, o presidente do Conselho de Administração do Hospital de São João tinha afirmado que a unidade continua disponível para receber mais doentes de outros hospitais.

"Não há questões regionais. Há portugueses e cidadãos que precisam de cuidados de saúde e nós estamos cá para isso", disse Fernando Araújo.

Além deste doente grave transferido para o S. João, o Amadora-Sintra transferiu esta sexta-feira mais quatro, de enfermaria, para o Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho.

Catarina Pereira / com João Fernando Ramos